Ronco e Apneia




O ronco é um problema social sério, atingindo cerca de 30% das pessoas, alterando a convivência com o cônjuge ou com os amigos, geralmente tornando a pessoa que ronca alvo de brincadeiras. É causado pela vibração dos tecidos da garganta (parede posterior da faringe, dorso da língua, palato mole e úvula), em função da turbulência do ar à medida que as vias aéreas se estreitam. A obesidade, a respiração bucal e o uso de cigarro e álcool agravam de modo significativo o ronco.





Já a apneia é a a obstrução das vias aéreas por alguns momentos durante a noite, pela aproximação dos tecidos da garganta, fechando a passagem do ar e impedindo a respiração por alguns segundos, várias vezes durante a noite. 





Muitas vezes, ao se tratar de doenças do sono, você pode ter dúvidas qual profissional procurar. Pneumologistas, otorrinolaringologistas, neurologistas, psiquiatras e dentistas podem ser especialistas no assunto. Quando os casos apontam para ronco ou apneia obstrutiva do sono, quando a pessoa tem a respiração obstruída por alguns segundos enquanto está dormindo, uma equipe multidisciplinar pode ser necessária. 






Mas alguns distúrbios podem ser controlados com a ajuda de um cirurgião dentista que, capacitado para interpretar uma polissonografia (exame usado para a investigação de vários distúrbios do sono), pode identificar e prevenir ronco comum, bruxismo, e apneia. Ao dormir, a musculatura da mandíbula relaxa e pode ocorrer a obstrução da garganta, causando a apneia. Nesses casos mais leves, o dentista pode atuar orientando o uso de placas de avanço mandibular durante a noite. 





Se este é o seu problema, marque uma consulta para fazer o diagnóstico e tratamento adequado. E tenha mais qualidade de vida com um sono tranquilo. 




Rua Marechal Guilherme, 103 - Edifício Canadá - Sala 1001 - Centro / Florianópolis - Fone: (48) 3222-9803